Advanced search options

Advanced Search Options 🞨

Browse by author name (“Author name starts with…”).

Find ETDs with:

in
/  
in
/  
in
/  
in

Written in Published in Earliest date Latest date

Sorted by

Results per page:

Sorted by: relevance · author · university · dateNew search

You searched for subject:(mandibular torus). Showing records 1 – 2 of 2 total matches.

Search Limiters

Last 2 Years | English Only

No search limiters apply to these results.

▼ Search Limiters

1. Silva, José Mendes da. Influência do toro mandibular na atividade eletromiográfica dos músculos da mastigação.

Degree: PhD, Odontologia Restauradora, 2014, University of São Paulo

O toro é uma excrescência óssea convexa, com crescimento lento, considerado de origem congênita, benigno, também denominado de exostose, com pouca significância clínica, sendo necessária sua remoção quando dificulta a confecção de prótese totais, parciais ou removíveis e a posição da língua, interferindo na fala ou ainda, dificultam a intubação cirúrgica. O objetivo deste trabalho foi analisar, por meio da eletromiografia, o padrão de comportamento (morfológico e funcional) da atividade dos músculos masseter e temporal nas condições posturais da mandíbula como o Repouso, Protrusão, Máxima Interscupidação Habitual (MIH), Apertamento Dental com Parafilme M®, Lateralidades Direita e Esquerda. O presente estudo também propôs analisar a eficiência dos ciclos mastigatórios e para tanto, foi utilizado a avaliação da mastigação habitual e não habitual por meio da integral da envoltória do sinal eletromiográfico obtido dos músculos masseter e temporal durante a mastigação habitual de uvas passas e amendoim e da mastigação não-habitual de Parafilme M®, considerando a presença ou não do toro mandibular. Diante dos resultados obtidos no presente trabalho foi possível concluir que, de um modo geral, houve aumento na atividade eletromiográfica nos músculos masseteres de indivíduos portadores de toro mandibular (Grupo Casos) quando comparado aos indivíduos do Grupo Controles nas condições clínicas de protrusão, lateralidades direita e esquerda, máxima intercuspidação habitual (MIH), apertamento dental com parafilme M®. Na mastigação com parafilme M®, mastigação com amendoins e mastigação com uvas passas verificou-se aumento da atividade para os músculos temporais e masseteres, evidenciando que a presença de toro mandibular está associada a alterações no padrão de ativação da musculatura mastigatória nas condições posturais da mandíbula e na mastigação.

The torus is a convex bony outgrowth, considered congenital, benign, also called exostosis, with little clinical significance, necessitating its removal difficult when the making of complete dentures, removable partial or tongue position and interfering speech or hinder surgical intubation. The aim of this study was to analyze, using electromyography, the default behavior (morphological and functional) of activity of the masseter and temporal muscles in conditions mandible posture as Home, protrusion, Maximum Interscupidação Habitual (MIH), Dental Clenching with Parafilm M®, lateral excursion (right and left). This study also proposed to analyze the efficiency of the mastigatory cycles. Therefore, we used the evaluation of usual mastication and unusual mastication through the envoltory integral of the EMG signal obtained from the masseter and temporalis muscles during mastication of raisins and peanuts and unusual chewing Parafilm M®, considering the presence or no in mandibular torus. Given the results obtained in this study it was concluded that, in general, increased the EMG activity in the masseter muscles of patients with mandibular torus (Group Case)…

Advisors/Committee Members: Regalo, Simone Cecilio Hallak.

Subjects/Keywords: electromyography; eletromiografia; mandibular torus; masticatory muscle; sistema estomatognático; toro mandibular

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Silva, J. M. d. (2014). Influência do toro mandibular na atividade eletromiográfica dos músculos da mastigação. (Doctoral Dissertation). University of São Paulo. Retrieved from http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58133/tde-03022015-112645/ ;

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Silva, José Mendes da. “Influência do toro mandibular na atividade eletromiográfica dos músculos da mastigação.” 2014. Doctoral Dissertation, University of São Paulo. Accessed November 29, 2020. http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58133/tde-03022015-112645/ ;.

MLA Handbook (7th Edition):

Silva, José Mendes da. “Influência do toro mandibular na atividade eletromiográfica dos músculos da mastigação.” 2014. Web. 29 Nov 2020.

Vancouver:

Silva JMd. Influência do toro mandibular na atividade eletromiográfica dos músculos da mastigação. [Internet] [Doctoral dissertation]. University of São Paulo; 2014. [cited 2020 Nov 29]. Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58133/tde-03022015-112645/ ;.

Council of Science Editors:

Silva JMd. Influência do toro mandibular na atividade eletromiográfica dos músculos da mastigação. [Doctoral Dissertation]. University of São Paulo; 2014. Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58133/tde-03022015-112645/ ;

2. Pires, Cassia Perola dos Anjos Braga. Avaliação da espessura dos músculos mastigatórios e da força de mordida molar máxima em indivíduos portadores de toro mandibular.

Degree: PhD, Odontologia Restauradora, 2014, University of São Paulo

O sistema estomatognático identifica um conjunto de estruturas bucais que desenvolvem funções comuns, tendo como característica constante a participação da mandíbula. Como todo sistema, tem características que lhe são próprias, mas depende do funcionamento, ou está intimamente ligado à função de outros sistemas como o nervoso, o circulatório e o endócrino. Tanto nos estados de saúde como nos de enfermidade, o sistema estomatognático pode influir sobre o funcionamento de outros sistemas como o digestório, respiratório e o metabólico-endócrino. Várias são as doenças e eventos clínicos que podem acometer o sistema estomatognático, acarretando o seu desequilíbrio ou mau funcionamento. Este estudo teve como objetivo analisar a espessura muscular e a força de mordida em 20 indivíduos diagnosticados com toro mandibular (Grupo Casos) e em 20 indivíduos sem toro (Grupo Controles). Para a análise ultrassonográfica foi utilizado o ultrassom portátil da marca NanoMaxx, com um transdutor linear - L 25 - de 06 a 13 MHz e 23 mm. Foram adquiridas três imagens ultrassonográficas dos músculos masseter e temporal, de ambos os lados, na posição de repouso e de contração voluntária máxima. Os registros da força de mordida foram realizados utilizando o dinamômetro digital, modelo IDDK (Kratos). As avaliações foram feitas nas regiões do primeiro molar (direito e esquerdo). Verificou-se que, os indivíduos portadores de toro na mandíbula apresentaram espessura dos músculos temporais significantemente menores que a dos indivíduos do Grupo Controles, enquanto que, os resultados para a força de mordida máxima foram significativamente maiores para os indivíduos do Grupo Casos e que não ocorreram correlações entre as espessuras e a força de mordida. Concluiu-se que a presença de toro mandibular promoveu alterações no sistema estomatognático.

The stomatognathic system has a set of oral structures that develop common functions, having as a constant share of the jaw. Like any system, it has characteristics of its own, but depends on the functioning, or is closely linked to the function of other systems such as the nervous, circulatory and endocrine. Both the states of health and illness in the stomatognathic system can influence the operation of other systems such as the digestive, respiratory and metabolic - endocrine. There are many diseases and clinical events that may affect the stomatognathic system, causing your imbalance or dysfunction. This study aimed to analyze the muscle thickness and bite force in 20 individuals diagnosed with mandibular torus (Cases Group) and 20 individuals without torus (Controls Group). For the analysis we used the ultrasound portable NanoMaxx, with a linear transducer - L 25 - 06-13 MHz and 23 mm. Three ultrasound images were acquired from masseter and temporalis muscles on both sides, at rest and maximal voluntary contraction. The records of bite force were performed using the digital dynamometer, IDDK model (Kratos). The assessments were made in the regions of the first molar (right and left). It was found that…

Advisors/Committee Members: Regalo, Simone Cecilio Hallak.

Subjects/Keywords: bite force; força de mordida; masticatory muscles; músculos da mastigação; toro mandibular; torus mandibular; ultrasonography; ultrassonografia

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Pires, C. P. d. A. B. (2014). Avaliação da espessura dos músculos mastigatórios e da força de mordida molar máxima em indivíduos portadores de toro mandibular. (Doctoral Dissertation). University of São Paulo. Retrieved from http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58133/tde-02022015-101047/ ;

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Pires, Cassia Perola dos Anjos Braga. “Avaliação da espessura dos músculos mastigatórios e da força de mordida molar máxima em indivíduos portadores de toro mandibular.” 2014. Doctoral Dissertation, University of São Paulo. Accessed November 29, 2020. http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58133/tde-02022015-101047/ ;.

MLA Handbook (7th Edition):

Pires, Cassia Perola dos Anjos Braga. “Avaliação da espessura dos músculos mastigatórios e da força de mordida molar máxima em indivíduos portadores de toro mandibular.” 2014. Web. 29 Nov 2020.

Vancouver:

Pires CPdAB. Avaliação da espessura dos músculos mastigatórios e da força de mordida molar máxima em indivíduos portadores de toro mandibular. [Internet] [Doctoral dissertation]. University of São Paulo; 2014. [cited 2020 Nov 29]. Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58133/tde-02022015-101047/ ;.

Council of Science Editors:

Pires CPdAB. Avaliação da espessura dos músculos mastigatórios e da força de mordida molar máxima em indivíduos portadores de toro mandibular. [Doctoral Dissertation]. University of São Paulo; 2014. Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58133/tde-02022015-101047/ ;

.