Advanced search options

Advanced Search Options 🞨

Browse by author name (“Author name starts with…”).

Find ETDs with:

in
/  
in
/  
in
/  
in

Written in Published in Earliest date Latest date

Sorted by

Results per page:

Sorted by: relevance · author · university · dateNew search

You searched for subject:(Waste frying oil). Showing records 1 – 3 of 3 total matches.

Search Limiters

Last 2 Years | English Only

No search limiters apply to these results.

▼ Search Limiters

1. Rocha, Ligia Linardi Niero [UNESP]. Utilização do óleo residual de fritura na produção de polihidroxialcanoatos.

Degree: 2017, Universidade Estadual Paulista

Os polihidroxialcanoatos (PHAs) são uma família de biopolímeros biodegradáveis, que podem substituir os plásticos petroquímicos em muitas aplicações, principalmente embalagens e utensílios domésticos. Contudo, estes bioplásticos são atualmente mais caros do que os de origem petroquímica. É possível encontrar vários estudos na literatura que investigam o uso de resíduos e substratos mais baratos, com o intuito de permitir a produção em grande escala do PHA. Os óleos vegetais são largamente utilizados na preparação de alimentos, na maioria das vezes no processo de fritura, o que acarreta grandes quantidades de resíduo, muitas vezes descartados incorretamente, trazendo prejuízo ao meio ambiente e à população. Sob esta consideração, os resíduos de óleo de fritura são abundantes e podem ser utilizados na produção de PHA sem qualquer tratamento adicional. Portanto, este trabalho analisou a produção de polihidroxialcanoatos (PHA) a partir de duas linhagens de bactérias, Pseudomonas oleovorans e Bacillus megaterium, utilizando-se óleos residuais de frituras como fonte de carbono (óleo residual de fritura de batata, frango e pastel) e foram utilizados nas concentrações de 10 g.l-1 e 20 g.l-1, separadamente. Os ensaios de produção do biopolímero foram realizados em frascos agitados, em meio de cultura limitante em nitrogênio. A massa seca celular (MSC) foi determinada por gravimetria e a porcentagem de acúmulo e a composição do PHA foram determinados por cromatografia gasosa. A melhor condição de reação foi observada no óleo residual de fritura de batata, no qual a bactéria Bacillus megaterium alcançou uma concentração de 13,03 % de acúmulo de PHA (% MSC) e 3,93 g.l-1 de massa seca celular. Pelos resultados obtidos pode-se concluir que esta alternativa é promissora, além de não competir com a produção baseada em fontes de açúcar, que é comercialmente utilizada.

Polyhydroxyalkanoates (PHAs) are a family of biodegradable biopolymers that can replace petrochemical plastics in many applications, especially packaging and household appliances. However, these bioplastics are currently more expensive than those of petrochemical origin. It is possible to find several studies in the literature that investigate the use of residues and cheaper substrates, in order to allow large scale production of the PHA. Vegetable oils are widely used in food preparation, most often in the frying process, which leads to large amounts of waste, often incorrectly discarded, causing damage to the environment and the population. Under this consideration, waste frying oils are abundant and can be used in the production of PHA without any further treatment. Therefore, this work studied the production of polyhydroxyalkanoates (PHA) from two strains of bacteria, Pseudomonas oleovorans and Bacillus megaterium, using waste frying oils as a source of carbon (waste oils from potato, chicken and pastel) and were used at concentrations of 10 g.l-1 and 20 g.l-1 , separately. The biopolymer production assays were performed in shaken flasks, in nitrogen-limiting…

Advisors/Committee Members: Leão, Alcides Lopes [UNESP], Gomez, José Gregório Cabrera [UNESP], Universidade Estadual Paulista (UNESP).

Subjects/Keywords: Óleo residual de fritura; Resíduos; Polihidroxialcanoatos; Bioplásticos; Waste frying oil; Residues; Polyhydroxyalkanoates; Bioplastics

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Rocha, L. L. N. [. (2017). Utilização do óleo residual de fritura na produção de polihidroxialcanoatos. (Thesis). Universidade Estadual Paulista. Retrieved from http://hdl.handle.net/11449/151671

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Rocha, Ligia Linardi Niero [UNESP]. “Utilização do óleo residual de fritura na produção de polihidroxialcanoatos.” 2017. Thesis, Universidade Estadual Paulista. Accessed October 22, 2020. http://hdl.handle.net/11449/151671.

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

MLA Handbook (7th Edition):

Rocha, Ligia Linardi Niero [UNESP]. “Utilização do óleo residual de fritura na produção de polihidroxialcanoatos.” 2017. Web. 22 Oct 2020.

Vancouver:

Rocha LLN[. Utilização do óleo residual de fritura na produção de polihidroxialcanoatos. [Internet] [Thesis]. Universidade Estadual Paulista; 2017. [cited 2020 Oct 22]. Available from: http://hdl.handle.net/11449/151671.

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

Council of Science Editors:

Rocha LLN[. Utilização do óleo residual de fritura na produção de polihidroxialcanoatos. [Thesis]. Universidade Estadual Paulista; 2017. Available from: http://hdl.handle.net/11449/151671

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

2. Santos, Vanuza Oliveira dos. Aproveitamento do óleo de fritura residual para produção de Biodiesel em Manaus.

Degree: 2011, Universidade Federal do Amazonas

O processo de fritura é um procedimento rápido e bastante apreciado pela população, em vista dos alimentos adquirirem características sensoriais agradáveis. São inúmeras as substâncias que alteram a qualidade do óleo e dos alimentos fritos obtidas por meio de reações hidrolíticas, oxidativas e termoxidativas. A ingestão destas substâncias é nociva à saúde e o descarte em local inapropriado, tais como, pias/ralos, igarapés e esgotos podem agravar problemas ambientais, pois além de promover a poluição dos rios, leva ao encarecimento do tratamento de água e de esgoto e a proliferação de insetos. Este trabalho foi conduzido para avaliar o nível de degradação dos óleos de fritura residual (OFR) e seu aproveitamento como matéria-prima para produção de biodiesel, proporcionando um conhecimento/domínio da tecnologia de transformação do óleo de fritura residual na nossa região, e, consequentemente, agregar valor econômico a este resíduo e minimizar os problemas ambientais causados pelo seu descarte. Diferentes amostras de óleo de fritura residual: de restaurante, de residência e de pastelaria foram coletadas e caracterizadas pelos métodos analíticos de acordo com a metodologia do Instituto Adolfo Lutz, os resultados de ácidos graxos livres foi abaixo de 1%, o índice de acidez em média de 1,25 mg KOH/g óleo, índice de peróxido abaixo de 10 meq de O2/Kg óleo, índice de saponificação variou de 110,13 a 228,6 mg KOH/g óleo e índice de iodo na faixa de 85,96 a 106,17g I2.100g-1. A composição em ácidos graxos desses óleos foi análoga ao do óleo de soja refinado, com predominância de ácido palmítico (C16:0), ácido oléico (C18:1) e ácido linoléico (C18:2). A viscosidade foi em média de 43,65 mm2.s-1 e a densidade média foi de 0,9210 g.cm-3. As amostras de pastelaria tiveram valores superiores nestes parâmetros, decorrente da polimerização do óleo. No teste Rancimat as amostras de fritura de residência em relação às de restaurante e de pastelaria apresentaram maior resistência à oxidação. As reações de transesterificação via catálise alcalina foram realizadas em sistema de refluxo e no reator PARR (modelo 5500), nas condições otimizadas, razão molar 1:6 (óleo: metanol), 1% de NaOH, tempo reacional de 60 minutos e temperatura de 65 °C e 70 °C. Obtiveram rendimentos em biodiesel em média de 90% e de 87%, respectivamente. As amostras de biodiesel de OFR foram caracterizadas por espectroscopia na região do infravermelho, com espectro característico de ésteres metílicos. O biodiesel de OFR apresentou valores de estabilidade oxidativa inferior ao valor recomendado (6 h), devido aos processos de degradação advindos do processo de fritura. Com os resultados da TG/DTG em atmosfera inerte, foi possível analisar a volatilidade desse biodiesel e a estabilidade térmica. Os parâmetros do biodiesel de OFR apresentaram-se de acordo com a resolução da ANP, a saber, índice de acidez, índice de iodo, viscosidade e densidade. Este estudo indicou que Manaus possui uma oferta potencial de 296.100 litros mensais de óleo… Advisors/Committee Members: Barros, Ivoneide de Carvalho Lopes, 621.590.034-68, http://lattes.cnpq.br/5272867419216787, Chaar, Jamal da Silva, Correa, José de Castro.

Subjects/Keywords: Óleo de fritura residual; Biodiesel; Viabilidade econômica; Waste frying oil; Economic viability; CIÊNCIAS EXATAS E DA TERRA: QUÍMICA

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Santos, V. O. d. (2011). Aproveitamento do óleo de fritura residual para produção de Biodiesel em Manaus. (Masters Thesis). Universidade Federal do Amazonas. Retrieved from http://tede.ufam.edu.br/handle/handle/4471

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Santos, Vanuza Oliveira dos. “Aproveitamento do óleo de fritura residual para produção de Biodiesel em Manaus.” 2011. Masters Thesis, Universidade Federal do Amazonas. Accessed October 22, 2020. http://tede.ufam.edu.br/handle/handle/4471.

MLA Handbook (7th Edition):

Santos, Vanuza Oliveira dos. “Aproveitamento do óleo de fritura residual para produção de Biodiesel em Manaus.” 2011. Web. 22 Oct 2020.

Vancouver:

Santos VOd. Aproveitamento do óleo de fritura residual para produção de Biodiesel em Manaus. [Internet] [Masters thesis]. Universidade Federal do Amazonas; 2011. [cited 2020 Oct 22]. Available from: http://tede.ufam.edu.br/handle/handle/4471.

Council of Science Editors:

Santos VOd. Aproveitamento do óleo de fritura residual para produção de Biodiesel em Manaus. [Masters Thesis]. Universidade Federal do Amazonas; 2011. Available from: http://tede.ufam.edu.br/handle/handle/4471

3. Renato Binoto. Definição de rotas para coleta porta-a-porta de óleo residual de fritura visando o reuso.

Degree: 2010, Universidade Federal de São Carlos

The collection of solid waste generated in urban areas is a growing concern for governments, health professionals and environmentalists. Among these concerns is the disposal of vegetable oil used in homes, which requires a more appropriate final allocation. For this to be attained, it is necessary, in addition to public awareness, the planning for the collection, with pre-defined routes. This study simulates alternative systems to collect waste oil in some sectors of the city of São Carlos SP using a Geographic Information System GIS. Using this system, routes to be travelled by the collectors from door to door, are defined. The program used was the TransCAD, which is a GIS specific for transportation planning, transport professionals, enabling the development routes using algorithms that include a procedure for arc routing. For this study it was assumed that a collector truck would be parked at some defined points and the collection would be performed by collecting agents with carts following pre-defined routes. Several simulations were made, aiming at minimizing the length of the routes and the number of agents necessary for the task. The results obtained with the simulations demonstrated that it is possible to define sets of routes that minimize the cost and the manpower required for the door to door collection of discarded frying oil.

A coleta dos resíduos sólidos gerados no meio urbano é uma preocupação crescente para governantes, profissionais da saúde e ambientalistas. Dentre estas preocupações, encontra-se o descarte do óleo vegetal utilizado nas residências, que exige uma destinação final mais adequada. Para isto se faz necessário, além da conscientização da população, um planejamento de coleta, com rotas pré-definidas. Este estudo simula sistemas alternativos para coleta do óleo residual em alguns setores da cidade de São Carlos SP, usando um Sistema de Informações Geográficas SIG. Com o uso desse sistema são definidas rotas a serem percorridas pelos agentes coletores no processo de coleta seletiva para o óleo residual de fritura através do sistema porta-aporta. O programa utilizado foi o TransCAD, que é um SIG específico para planejamento de transportes, permitindo desenvolver rotas utilizando-se algoritmos que incluem um procedimento de roteirização em arco (Rotina Arc Routing). Para este estudo considerou-se que um caminhão coletor ficaria estacionado em pontos determinados e o serviço de coleta seria realizado por agentes coletores com carrinhos manuais seguindo percursos de coleta a pé. Foram feitas diversas simulações procurando minimizar os percursos de coleta e o número de agentes coletores necessários para a execução do serviço. Os resultados obtidos com as simulações demonstraram que é possível se obter conjuntos de rotas que minimizam o custo e a mão de obra necessária para a coleta porta a porto do óleo residual de fritura.

Advisors/Committee Members: Suely da Penha Sanches.

Subjects/Keywords: Engenharia urbana; Resíduos sólidos; Coleta domiciliar; Roteirização de veículos; SIG, Sistema porta-a-porta; Óleo residual de fritura; ENGENHARIAS; Solid waste; Household waste; Vehicle routing; GIS system; Door to door; Residual oil in frying

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Binoto, R. (2010). Definição de rotas para coleta porta-a-porta de óleo residual de fritura visando o reuso. (Thesis). Universidade Federal de São Carlos. Retrieved from http://www.bdtd.ufscar.br/htdocs/tedeSimplificado//tde_busca/arquivo.php?codArquivo=5555

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Binoto, Renato. “Definição de rotas para coleta porta-a-porta de óleo residual de fritura visando o reuso.” 2010. Thesis, Universidade Federal de São Carlos. Accessed October 22, 2020. http://www.bdtd.ufscar.br/htdocs/tedeSimplificado//tde_busca/arquivo.php?codArquivo=5555.

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

MLA Handbook (7th Edition):

Binoto, Renato. “Definição de rotas para coleta porta-a-porta de óleo residual de fritura visando o reuso.” 2010. Web. 22 Oct 2020.

Vancouver:

Binoto R. Definição de rotas para coleta porta-a-porta de óleo residual de fritura visando o reuso. [Internet] [Thesis]. Universidade Federal de São Carlos; 2010. [cited 2020 Oct 22]. Available from: http://www.bdtd.ufscar.br/htdocs/tedeSimplificado//tde_busca/arquivo.php?codArquivo=5555.

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

Council of Science Editors:

Binoto R. Definição de rotas para coleta porta-a-porta de óleo residual de fritura visando o reuso. [Thesis]. Universidade Federal de São Carlos; 2010. Available from: http://www.bdtd.ufscar.br/htdocs/tedeSimplificado//tde_busca/arquivo.php?codArquivo=5555

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

.