Advanced search options

Advanced Search Options 🞨

Browse by author name (“Author name starts with…”).

Find ETDs with:

in
/  
in
/  
in
/  
in

Written in Published in Earliest date Latest date

Sorted by

Results per page:

Sorted by: relevance · author · university · dateNew search

You searched for subject:(Mus e). Showing records 1 – 2 of 2 total matches.

Search Limiters

Last 2 Years | English Only

No search limiters apply to these results.

▼ Search Limiters


Universidade Nova

1. Monteiro, Martina Sofia Gonçalves. As microfaunas do Abrigo da Pena d'Água (Torres Novas) : proposta de metodologia para o estudo de microfaunas em contextos arqueológicos.

Degree: 2016, Universidade Nova

O Abrigo da Pena d'Água localiza-se na freguesia da Chancelaria, concelho de Torres Novas, distrito de Santarém. Trata-se de um abrigo sob rocha situado na base da escarpa conhecida na região por Arrife da Serra d'Aire. As escavações realizadas entre 1992 e 1997 permitiram constatar a existência de ocupação humana no local durante todo o Neolítico e ocupações esporádicas desde o Epipaleolítico até à Época Moderna (Carvalho, 1998). Na presente dissertação são alvo de estudo os restos osteológicos correspondentes aos micromamíferos recolhidos nos níveis de ocupação humana datadas do Epipaleolítico e Neolítico Antigo. Pretende-se, através da sua análise e a partir da metodologia de estudo aqui proposta, caracterizar a distribuição dos micromamíferos identificados na área envolvente do Abrigo da Pena d'Água, tendo em conta as alterações ambientais e ecológicas aqui ocorridas após a introdução da agricultura no início do Neolítico Antigo e compreender o seu significado paleoclimático. Foi possível constatar que a introdução da agricultura na área da Pena d´Água teve como consequência a introdução de novas espécies de roedores, nomeadamente Mus, e, a redistribuição de espécies de roedores já existentes, nomeadamente Microtus cabrerae, devido as alterações causadas por esta prática no meio natural.

The Pena d’Água rock-shelter is located in the village of Chancelaria, municipality of Torres Novas, district of Santarém. This archaeological site is situated on an escarpment known as Arrife da Serra d'Aire. Between 1992 and 1997 were carried out archaeological excavation that showed evidence of occupation during the Neolithic and some sporadic occupations in the Epipaleolithic to the Early Modern Period (Carvalho, 1998). This master dissertation is about the study of osteological remains of small mammals (micro-fauna) of the archaeological record of Epipaleolítico and Neolithic occupations. The principal aim is to characterize the micro-fauna distribution in this levels and try to characterize and understand the ecological and environmental changes resulting from the introduction of agriculture in the early Neolithic.

Advisors/Committee Members: Tente, Catarina.

Subjects/Keywords: Arqueologia; Neolítico Antigo; Ação antrópica; Micromamíferos; Espécies comensais (Mus); Archaeology; Early Neolithic; Anthropic action; Small mammals; Commensal species (Mus); Domínio/Área Científica::Humanidades::História e Arqueologia

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Monteiro, M. S. G. (2016). As microfaunas do Abrigo da Pena d'Água (Torres Novas) : proposta de metodologia para o estudo de microfaunas em contextos arqueológicos. (Thesis). Universidade Nova. Retrieved from http://www.rcaap.pt/detail.jsp?id=oai:run.unl.pt:10362/18098

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Monteiro, Martina Sofia Gonçalves. “As microfaunas do Abrigo da Pena d'Água (Torres Novas) : proposta de metodologia para o estudo de microfaunas em contextos arqueológicos.” 2016. Thesis, Universidade Nova. Accessed October 14, 2019. http://www.rcaap.pt/detail.jsp?id=oai:run.unl.pt:10362/18098.

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

MLA Handbook (7th Edition):

Monteiro, Martina Sofia Gonçalves. “As microfaunas do Abrigo da Pena d'Água (Torres Novas) : proposta de metodologia para o estudo de microfaunas em contextos arqueológicos.” 2016. Web. 14 Oct 2019.

Vancouver:

Monteiro MSG. As microfaunas do Abrigo da Pena d'Água (Torres Novas) : proposta de metodologia para o estudo de microfaunas em contextos arqueológicos. [Internet] [Thesis]. Universidade Nova; 2016. [cited 2019 Oct 14]. Available from: http://www.rcaap.pt/detail.jsp?id=oai:run.unl.pt:10362/18098.

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

Council of Science Editors:

Monteiro MSG. As microfaunas do Abrigo da Pena d'Água (Torres Novas) : proposta de metodologia para o estudo de microfaunas em contextos arqueológicos. [Thesis]. Universidade Nova; 2016. Available from: http://www.rcaap.pt/detail.jsp?id=oai:run.unl.pt:10362/18098

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation


Technical University of Lisbon

2. Crespo, António Pedro Marcos Avérous Mira. Controlo de pragas no Jardim Zoológico de Lisboa : particular relevância para o controlo de roedores e sua infeção parasitária.

Degree: 2012, Technical University of Lisbon

Dissertação de Mestrado em Segurança Alimentar

Os parques zoológicos constituem ecossistemas partilhados por espécies domésticas e silvestres e pelo Homem, o que facilita a entrada de agentes patogénicos, sendo fundamental o estabelecimento de um programa de medicina veterinária preventiva, onde o cumprimento de todas as regras de segurança e higiene e o controlo de pragas são fundamentais. Assim, o presente estudo que decorreu no Jardim Zoológico de Lisboa, durante o ano de 2011, teve como objetivo efetuar um levantamento sobre as práticas de higiene e segurança, com ênfase no controlo de pragas, mediante observações in loco, entrevistas aos tratadores e responsáveis pelas empresas de controlo de pragas e a aplicação de um inquérito aos tratadores, com vista à identificação dos graus de infestação e práticas de prevenção e controlo. Dada a importância que os roedores representam como hospedeiros de um elevado número de espécies parasitárias foi ainda objetivo deste estudo a determinação da infeção parasitária em 100 roedores capturados (50 Mus musculus; 50 Rattus norvegicus). Através das observações realizadas e da análise das respostas obtidas no inquérito aos tratadores, verificou-se que de uma maneira geral, os cuidados de higiene e segurança praticados no Jardim Zoológico de Lisboa vão ao encontro do preconizado por vários autores, no entanto, alguns aspetos, relativamente à prevenção e ao controlo de pragas poderiam ser melhorados. São apresentadas neste trabalho sugestões de melhoramento, e sugere-se ainda que as ações de formação aos tratadores sejam estendidas a esta temática, caracterizando as espécies de pragas existentes e as doenças por elas transmitidas, para incentivar uma melhor deteção e controlo das mesmas. No estudo parasitário verificou-se que 82 roedores (82,0 %) apresentavam formas de eliminação parasitária, com maior proporção de animais positivos para a espécie Rattus norvegicus (84,0%). Identificaram-se nove espécies de parasitas, Eimeria spp., Cryptosporidium parvum, Cysticercus fasciolaris (forma larvar de Taenia taeniaeformis), Hymenolepis diminuta, Nippostrongylus brasiliensis, Heterakis spumosa, Syphacia obvelata, Callodium hepaticum e Trichuris muris, independentemente da espécie de roedor. Das espécies identificadas, Cryptosporidium parvum, Calodium hepaticum e Syphacia obvelata são transmissíveis diretamente a primatas, incluindo o Homem e Cysticercus fasciolaris e Hymenolepis diminuta indiretamente aos mesmos hospedeiros. Estes estudos salientam a importância do controlo de pragas no ecossistema formado pelo Zoo de lisboa, especialmente considerando o papel que algumas espécies de pragas assumem como reservatório de agentes parasitários e de outras naturezas, patogénicos para o Homem e animais.

ABSTRACT - Pest control in the Zoological Garden of Lisbon – special relevance for rodents control and their parasitic infection - Zoological parks constitute special ecosystems shared by domestic and wild species and man, which promotes the entrance of pathogens, therefore the…

Advisors/Committee Members: Lapão, Narciso António Esteves, Vaz, Yolanda Maria.

Subjects/Keywords: Jardim Zoológico de Lisboa; higiene e segurança; controlo de pragas; identificação de potenciais perigos; infeção parasitária em Mus musculus e Rattus norvegicus; Lisbon Zoo; health and safety; pest control; identification of potential hazards; parasite infection in Mus musculus and Rattus norvegicus

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Crespo, A. P. M. A. M. (2012). Controlo de pragas no Jardim Zoológico de Lisboa : particular relevância para o controlo de roedores e sua infeção parasitária. (Thesis). Technical University of Lisbon. Retrieved from http://www.rcaap.pt/detail.jsp?id=oai:www.repository.utl.pt:10400.5/4937

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Crespo, António Pedro Marcos Avérous Mira. “Controlo de pragas no Jardim Zoológico de Lisboa : particular relevância para o controlo de roedores e sua infeção parasitária.” 2012. Thesis, Technical University of Lisbon. Accessed October 14, 2019. http://www.rcaap.pt/detail.jsp?id=oai:www.repository.utl.pt:10400.5/4937.

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

MLA Handbook (7th Edition):

Crespo, António Pedro Marcos Avérous Mira. “Controlo de pragas no Jardim Zoológico de Lisboa : particular relevância para o controlo de roedores e sua infeção parasitária.” 2012. Web. 14 Oct 2019.

Vancouver:

Crespo APMAM. Controlo de pragas no Jardim Zoológico de Lisboa : particular relevância para o controlo de roedores e sua infeção parasitária. [Internet] [Thesis]. Technical University of Lisbon; 2012. [cited 2019 Oct 14]. Available from: http://www.rcaap.pt/detail.jsp?id=oai:www.repository.utl.pt:10400.5/4937.

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

Council of Science Editors:

Crespo APMAM. Controlo de pragas no Jardim Zoológico de Lisboa : particular relevância para o controlo de roedores e sua infeção parasitária. [Thesis]. Technical University of Lisbon; 2012. Available from: http://www.rcaap.pt/detail.jsp?id=oai:www.repository.utl.pt:10400.5/4937

Note: this citation may be lacking information needed for this citation format:
Not specified: Masters Thesis or Doctoral Dissertation

.