Advanced search options

Advanced Search Options 🞨

Browse by author name (“Author name starts with…”).

Find ETDs with:

in
/  
in
/  
in
/  
in

Written in Published in Earliest date Latest date

Sorted by

Results per page:

Sorted by: relevance · author · university · dateNew search

You searched for +publisher:"University of São Paulo" +contributor:("Vitti, Mathias"). Showing records 1 – 3 of 3 total matches.

Search Limiters

Last 2 Years | English Only

No search limiters apply to these results.

▼ Search Limiters

1. Mello, Rosaly Facioli Homem de. Análise eletromiográfica dos músculos temporal e masseter, antes e após ajuste oclusal, em pacientes tratados ortodonticamente.

Degree: Mestrado, Biologia Oral, 2008, University of São Paulo

Inúmeros tratamentos ortodônticos não são finalizados de maneira satisfatória gerando deslizes maxilo-mandibulares, ou seja, uma relação cêntrica (RC) diferente da máxima intercuspidação habitual (MIH), o que pode gerar desestabilização do conjunto côndilo/disco articular, alterações mio-funcionais e disfunções temporomandibulares. O objetivo deste trabalho foi verificar a atividade eletromiográfica em 18 indivíduos de ambos os sexos submetidos a tratamento ortodôntico corretivo com a Mecânica de Edgewise, comparando um grupo controle constituído por 09 indivíduos, que ao término do tratamento ortodôntico, apresentaram uma máxima intercuspidação habitual (MIH) igual a relação cêntrica (RC), com 09 indivíduos que ao término do tratamento ortodôntico apresentaram a máxima intercuspidação habitual diferente da relação cêntrica e avaliá-los novamente após o ajuste oclusal. As análises eletromiográficas foram realizadas por meio de movimentos mastigatórios e manutenção de posições posturais, antes (A) e após (P) a terapia do ajuste oclusal. Foram utilizados cinco canais do Eletromiógrafo K6-I EMG de oito canais. Foi realizada análise estatística (ANOVA) para a avaliação entre as situações antes e após a terapia adotada. Notou-se que houve uma tendência para o aumento da atividade eletromiográfica no repouso, na relação cêntrica e na mastigação e uma diminuição da atividade na lateralidade e protrusão nos indivíduos submetidos à terapia de ajuste oclusal para p<0,05. Conclui-se que a terapia de ajuste oclusal por desgaste seletivo promove alterações na ativação da musculatura mastigatória.

Dentistry practice shows that innumerous orthodontic treatments are not finished in a satisfactory way, thus causing maxillomandibular glides/slides, i.e. a centric relation (CR) different from the maximal habitual intercuspation (MHI), which in turn, may cause an unbalance of the condyle/articular disk set / condyle/articular disk complex, and myofunctional changes and temporomandibular joint dysfunctions. This study aimed to assess the electromyographic activity in 18 individuals, both gender, submitted to an Edgewise orthodontic treatment, comparing 09 individuals who ended their orthodontic treatment. They presented mandibular glides/slide and a MHI different from the CR, and were submitted to occlusal adjustment due to selective wear with 09 control individuals. The electromyographic analyses were performed during chewing movements and while maintaining postural positions, before and after the occlusal adjustment therapy. An eight-channel electromyographer was used: K6-I EMG Light Channel Surface Electromyography (Myo-tronics Co. Seattle, WA, EUA). ANOVA was performed for the comparison between the situations before and after therapy. It was observed that, after occlusal adjustment, there was a tendency for an increase electromyographic activity in the rest, centric relation and mastication and a reduction of electromyographic activity during laterality and protrusion for p<0.05. Therefore, we conclude that the occlusal…

Advisors/Committee Members: Vitti, Mathias.

Subjects/Keywords: ajuste oclusal; eletromiografia; eletromyography; músculos temporal e masseter; occlusal adjustment; orthodontic; ortodontia; temporal and masseter muscles

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Mello, R. F. H. d. (2008). Análise eletromiográfica dos músculos temporal e masseter, antes e após ajuste oclusal, em pacientes tratados ortodonticamente. (Masters Thesis). University of São Paulo. Retrieved from http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58137/tde-29102008-175153/ ;

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Mello, Rosaly Facioli Homem de. “Análise eletromiográfica dos músculos temporal e masseter, antes e após ajuste oclusal, em pacientes tratados ortodonticamente.” 2008. Masters Thesis, University of São Paulo. Accessed October 28, 2020. http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58137/tde-29102008-175153/ ;.

MLA Handbook (7th Edition):

Mello, Rosaly Facioli Homem de. “Análise eletromiográfica dos músculos temporal e masseter, antes e após ajuste oclusal, em pacientes tratados ortodonticamente.” 2008. Web. 28 Oct 2020.

Vancouver:

Mello RFHd. Análise eletromiográfica dos músculos temporal e masseter, antes e após ajuste oclusal, em pacientes tratados ortodonticamente. [Internet] [Masters thesis]. University of São Paulo; 2008. [cited 2020 Oct 28]. Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58137/tde-29102008-175153/ ;.

Council of Science Editors:

Mello RFHd. Análise eletromiográfica dos músculos temporal e masseter, antes e após ajuste oclusal, em pacientes tratados ortodonticamente. [Masters Thesis]. University of São Paulo; 2008. Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58137/tde-29102008-175153/ ;

2. Silva, Ana Maria Bettoni Rodrigues da. Efeito do uso da placa oclusal resiliente em indivíduos portadores de disfunção temporomandibular - avaliação clínica e eletromiográfica.

Degree: PhD, Reabilitação Oral, 2009, University of São Paulo

Para melhor compreender a fisiopatologia que afeta a musculatura do sistema estomatognático, a análise eletromiográfica dos músculos da mastigação tem sido incluída em muitos estudos. A eletromiografia (EMG) permite verificar e avaliar a eficácia muscular, entre os músculos de ambos os lados do corpo (simetria) e entre pares de músculos, com um possível efeito de desvio lateral da mandíbula (torque) (Ferrario et al., 1999, 2002). O objetivo desse trabalho foi estudar por meio da EMG de superfície os músculos masseter (porção superficial) e temporal (porção anterior) bilateralmente, e verificar o efeito do uso da placa oclusal resiliente, como um dos recursos para o tratamento das desordens temporomandibulares (DTMs), e comparar com um grupo controle. Foram envolvidos 23 indivíduos com sinais e sintomas de DTM, avaliados clinicamente, que receberam depois tratamento com placas oclusais resilientes. Para estabelecer a presença ou ausência de DTM, foi utilizado o Research Diagnostic Criteria for Temporomandibular Disorders (RDC/TMD); além de registrar a atividade EMG dos músculos masseter e temporal, bilateralmente, antes (inicial Etapa 1), 30 (Etapa 2) e 60 dias após o uso da placa oclusal resiliente (Etapa 3) (Pettengill et al., 1998); relacionar os achados eletromiográficos com a avaliação clínica da oclusão e das funções estomatognáticas; comparar os resultados de uma população com DTM e o grupo controle de 23 indivíduos. As avaliações EMG foram registradas por meio de movimentos de mastigação e das condições clínicas de repouso, lateralidade com contato bilateral, protrusão e apertamento dental. A análise estatística foi realizada com o emprego do software SPSS versão 15.0 (Chicago, IL, USA). Devido ao fato de que foi rejeitada a hipótese de normalidade da grande maioria das variáveis (Teste de Shapiro-Wilks) foram utilizados métodos não-paramétricos na análise. O nível de significância adotado foi p ≤0,05. Os dados dos grupos controle e DTM foram comparados por meio do teste não-paramétrico de Mann-Whitney, e as comparações intragrupo DTM (inicial, 30 e 60 dias de uso de placa) foram realizadas por meio do teste não-paramétrico de Wilcoxon. De acordo com os resultados, na condição clínica de repouso, não houve diferença estatisticamente significativa na comparação entre os grupos controle e DTM; e foi observado diferença estatisticamente significativa intra-grupo de DTM. Na condição clínica de lateralidade direita, houve diferença estatisticamente significativa na comparação entre os grupos controle e DTM, e na comparação intra-grupo de DTM, não houve diferença estatisticamente significativa. Entretanto, na condição clínica de lateralidade esquerda, não houve diferença estatisticamente significativa na comparação entre os grupos controle e DTM, e na comparação intra-grupo DTM. Na condição clínica de protrusão, na comparação entre os grupos controle e DTM, e na comparação intra-grupo de DTM, houve diferença estatisticamente significativa. Na condição clínica de apertamento de parafilme, houve diferença… Advisors/Committee Members: Vitti, Mathias.

Subjects/Keywords: disfunção temporomandibular; electromyography; eletromiografia; masseter muscle; músculo masseter; músculo temporal; occlusal splint; placa oclusal; temporal muscle; temporomandibular dysfunction

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Silva, A. M. B. R. d. (2009). Efeito do uso da placa oclusal resiliente em indivíduos portadores de disfunção temporomandibular - avaliação clínica e eletromiográfica. (Doctoral Dissertation). University of São Paulo. Retrieved from http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-26032010-093748/ ;

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Silva, Ana Maria Bettoni Rodrigues da. “Efeito do uso da placa oclusal resiliente em indivíduos portadores de disfunção temporomandibular - avaliação clínica e eletromiográfica.” 2009. Doctoral Dissertation, University of São Paulo. Accessed October 28, 2020. http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-26032010-093748/ ;.

MLA Handbook (7th Edition):

Silva, Ana Maria Bettoni Rodrigues da. “Efeito do uso da placa oclusal resiliente em indivíduos portadores de disfunção temporomandibular - avaliação clínica e eletromiográfica.” 2009. Web. 28 Oct 2020.

Vancouver:

Silva AMBRd. Efeito do uso da placa oclusal resiliente em indivíduos portadores de disfunção temporomandibular - avaliação clínica e eletromiográfica. [Internet] [Doctoral dissertation]. University of São Paulo; 2009. [cited 2020 Oct 28]. Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-26032010-093748/ ;.

Council of Science Editors:

Silva AMBRd. Efeito do uso da placa oclusal resiliente em indivíduos portadores de disfunção temporomandibular - avaliação clínica e eletromiográfica. [Doctoral Dissertation]. University of São Paulo; 2009. Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-26032010-093748/ ;

3. Gomes, Antonio Carlos Pereira. Eletromiografia do músculo masseter relacionada a medidas cefalométricas em indivíduos com maloclusão dental classe III de Angle.

Degree: PhD, Reabilitação Oral, 2006, University of São Paulo

Embriologicamente, o tecido ósseo surge posteriormente aos músculos. A musculatura temporomandibular e facial apresentam-se definidas quando da ossificação da face e crânio, com os ossos se desenvolvendo dentro de um envelope de músculo e fascia. Quando contrações ativas se iniciam em um músculo, ele passa a exercer contínuo efeito sobre os ossos aos quais pertencem sua origem e inserção. O tecido ósseo é tido como um dos mais plásticos e responde prontamente às forças e tensões geradas pelos músculos. Evidenciase que os músculos, desde a fase pré-natal, desempenham papel na conformação dos ossos, e continuam a direcionar o crescimento pelo efeito de suas funções. Oito pacientes (4? e 4?) com idade entre 7 e 12 anos, com maloclusão dental classe III de Angle, foram submetidos a registros eletromiográficos do músculo masseter, subdividido em três regiões: superior, média e inferior, empregando-se o eletromiógrafo K6-I/EMG Eight Channel Surface Electromyograph (Myo-tronics Co., Seatle, WA, EUA), em 17 condições clínicas, e à análise cefalométrica através do programa Radiocef (RadioMemory, Floresta, BH, Brasil), de 15 medidas angulares e lineares. Os dados obtidos foram submetidos ao teste de correlação de Spearman, por meio do programa Statistica, release 4.3D (StatSoft, Inc., 1993, EUA). Correlações estatisticamente significantes foram encontradas entre as condições clínicas de repouso, propulsão livre da mandíbula, mastigação molar, oclusão cêntrica forçada, desvio lateral, deglutição de água, mastigação incisiva, fechamento contra-resistência e deglutição de saliva; e, entre as medidas cefalométricas, ângulo SNA, ângulo incisivo superior.NA, distância incisivo superior-NA, ângulo ANB, ângulo IMPA, distância Pog-NB, ângulo SN.Gn(Y), ângulo incisivo inferior.NB, ângulo interincisivo, distância incisivo inferior-NB, ângulo SN.GoGn, ângulo SN.Plano Oclusal, ângulo SNB e ângulo SND. As regiões superior, média e inferior do músculo masseter participaram em 32, 18 e 50% dos resultados estatisticamente significantes, respectivamente. Os resultados corroboram com hipóteses sobre a influência da musculatura no estabelecimento da maloclusão dental, e a relação entre a função dos músculos do sistema estomatognático e o desenvolvimento craniofacial precisa ser compreendida para se poder predizer o desenvolvimento craniofacial.

Embryologically, the bone tissue develops after muscle tissue. The temporomandibular and facial muscles are well defined when the cranial and facial ossifications occur, with bone structures developing inside of a muscle and fascia envelope. When active contractions begin in a muscle, it exerts an uninterrupted effect over bones to which belongs its origin and insertion. The bones tissues are one of the most plastic tissues, and interact readily to any tension and pressure developed by muscles. It\'s axiomatic that since previous to childbirth, muscles exert a role in bone structure development, and keep directing the skeletal growth with the effect of its functions. Eight patients (4? and 4?), between…

Advisors/Committee Members: Vitti, Mathias.

Subjects/Keywords: Cefalometria; Cefalometric; Correlação; Correlation; Malocclusion; Maloclusão; Masseter muscle; Músculo masseter

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Gomes, A. C. P. (2006). Eletromiografia do músculo masseter relacionada a medidas cefalométricas em indivíduos com maloclusão dental classe III de Angle. (Doctoral Dissertation). University of São Paulo. Retrieved from http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-09042008-163648/ ;

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Gomes, Antonio Carlos Pereira. “Eletromiografia do músculo masseter relacionada a medidas cefalométricas em indivíduos com maloclusão dental classe III de Angle.” 2006. Doctoral Dissertation, University of São Paulo. Accessed October 28, 2020. http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-09042008-163648/ ;.

MLA Handbook (7th Edition):

Gomes, Antonio Carlos Pereira. “Eletromiografia do músculo masseter relacionada a medidas cefalométricas em indivíduos com maloclusão dental classe III de Angle.” 2006. Web. 28 Oct 2020.

Vancouver:

Gomes ACP. Eletromiografia do músculo masseter relacionada a medidas cefalométricas em indivíduos com maloclusão dental classe III de Angle. [Internet] [Doctoral dissertation]. University of São Paulo; 2006. [cited 2020 Oct 28]. Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-09042008-163648/ ;.

Council of Science Editors:

Gomes ACP. Eletromiografia do músculo masseter relacionada a medidas cefalométricas em indivíduos com maloclusão dental classe III de Angle. [Doctoral Dissertation]. University of São Paulo; 2006. Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-09042008-163648/ ;

.