Advanced search options

Advanced Search Options 🞨

Browse by author name (“Author name starts with…”).

Find ETDs with:

in
/  
in
/  
in
/  
in

Written in Published in Earliest date Latest date

Sorted by

Results per page:

Sorted by: relevance · author · university · dateNew search

You searched for +publisher:"Universidade Federal do Amazonas" +contributor:("[email protected]"). Showing records 1 – 3 of 3 total matches.

Search Limiters

Last 2 Years | English Only

No search limiters apply to these results.

▼ Search Limiters

1. Cavalcante, Mário Bentes. “Varando igarapé, varando canoa, nossa vida é a pesca”: um estudo sobre as pescadoras artesanais no Remanso das Águas em Parintins-AM.

Degree: 2019, Universidade Federal do Amazonas

Esta proposta de investigação teve por objetivo estudar o trabalho da mulher na pesca artesanal na comunidade rural Sagrada Família do Remanso no município de Parintins-AM. Para tanto, procurou-se entender como os modos de vida desenvolvidos na comunidade contribuem para a construção identitária da mulher pescadora . Compreender a construção do lugar do trabalho da mulher na pesca artesanal, por meio dos modos de vida desenvolvidos ao longo dos tempos foi o objetivo geral deste estudo; para atender a esse objetivo procuramos: a) descrever como ocorre a divisão espaço/temporal das atividades exercidas cotidianamente pelas mulheres na comunidade; b) compreender como foram (são) construídos os saberes necessários ao trabalho da pesca desenvolvido pelas mulheres pescadoras; c) entender, pelas narrativas femininas, como as mulheres se identificam nas relações estabelecidas entre seu trabalho e o desenvolvimento socioeconômico da comunidade; d) reflexionar sobre o trabalho da mulher pescadora a partir de seus costumes, crenças e tradições, procurando entender como se estabelecem e se desenvolvem no contexto cultural dinâmico das relações sociais. O caminho percorrido teve como ponto de partida a história de vida das pescadoras, por meio de entrevista compreensiva, a partir da memória dos participantes da pesquisa. Utilizamos ainda a técnica da observação direta para perceber o que não foi mostrado por meio das entrevistas, e assim, melhor conhecermos o objeto de estudo.

Esta propuesta de investigación tuvo como objetivo estudiar el trabajo de las mujeres en la pesca artesanal en la comunidad rural Sagrada Familia do Remanso en el municipio de Parintins-AM. Para estos fines, tratamos de comprender cómo las formas de vida desarrolladas a lo largo del tiempo contribuyen a la construcción de la identidad de las mujeres marineras en la comunidad. El objetivo general de este trabajo fue comprender la construcción del lugar de trabajo de las mujeres en la pesca artesanal, a través de las formas de vida desarrolladas a lo largo del tiempo. Para cumplir con este objetivo, investigamos: a) relatar cómo ocurre la división espacio / temporal de las actividades que realizan diariamente las mujeres en la comunidad; b) Comprender cómo se construyeron los conocimientos necesarios para el trabajo de pesca desarrollado por las mujeres en la comunidad; c) Entender, a través de las narrativas femeninas, cómo se identifican las mujeres en las relaciones establecidas entre su trabajo y el desarrollo socioeconómico de la comunidad; d) reflexionar sobre el trabajo de las marineras a partir de sus costumbres, creencias y tradiciones, buscando comprender cómo se establecen y desarrollan en el contexto cultural dinámico de las relaciones sociales establecidas. El camino a alcanzar tuvo como punto de partida la historia de vida de las marineras, a través de una entrevista profunda, basada en la memoria de los participantes de la investigación. También utilizamos la técnica de observación directa para comprender lo que no se fue expuesto a…

Advisors/Committee Members: Scherer, Elenise Faria, 01785389220, http://lattes.cnpq.br/9963969899295818, Matos, Gláucio Campos Gomes de, http://lattes.cnpq.br/3029233831909914, Soares, Ana Paulina Aguiar, http://lattes.cnpq.br/0583627955031330, [email protected].

Subjects/Keywords: Pescadoras - Parintins (AM); Pesca artesanal - Parintins (AM); Mulheres - Identidade; CIÊNCIAS HUMANAS; Trabalho; Mulheres; Pesca artesanal; Modo de vida; Identidade

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Cavalcante, M. B. (2019). “Varando igarapé, varando canoa, nossa vida é a pesca”: um estudo sobre as pescadoras artesanais no Remanso das Águas em Parintins-AM. (Masters Thesis). Universidade Federal do Amazonas. Retrieved from https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7412

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Cavalcante, Mário Bentes. ““Varando igarapé, varando canoa, nossa vida é a pesca”: um estudo sobre as pescadoras artesanais no Remanso das Águas em Parintins-AM.” 2019. Masters Thesis, Universidade Federal do Amazonas. Accessed November 28, 2020. https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7412.

MLA Handbook (7th Edition):

Cavalcante, Mário Bentes. ““Varando igarapé, varando canoa, nossa vida é a pesca”: um estudo sobre as pescadoras artesanais no Remanso das Águas em Parintins-AM.” 2019. Web. 28 Nov 2020.

Vancouver:

Cavalcante MB. “Varando igarapé, varando canoa, nossa vida é a pesca”: um estudo sobre as pescadoras artesanais no Remanso das Águas em Parintins-AM. [Internet] [Masters thesis]. Universidade Federal do Amazonas; 2019. [cited 2020 Nov 28]. Available from: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7412.

Council of Science Editors:

Cavalcante MB. “Varando igarapé, varando canoa, nossa vida é a pesca”: um estudo sobre as pescadoras artesanais no Remanso das Águas em Parintins-AM. [Masters Thesis]. Universidade Federal do Amazonas; 2019. Available from: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7412

2. Silva, Silvânia Queiroz e. Políticas socioambientais na Amazônia: o projeto Bolsa Verde e a inclusão produtiva das famílias da Resex Médio Purus, Lábrea (AM).

Degree: 2016, Universidade Federal do Amazonas

As políticas socioambientais emergiram no Brasil, especialmente a partir dos anos 90, para promover o desenvolvimento sustentável no país e contribuir para a proteção ambiental. Os princípios que pretendiam promover a sustentabilidade passaram a nortear as políticas públicas que, a partir de sua integração institucional buscaram erradicar a pobreza, promover o desenvolvimento econômico e a conservação da natureza para construção de um modelo produtivo sustentável que integrasse o desenvolvimento no âmbito urbano e rural. O objetivo central desta tese foi investigar o desenvolvimento do Programa Bolsa Verde (PBV), criado em 2011 pelo governo federal como estratégia de conservação ambiental e inclusão produtiva rural, e suas implicações nos modos de vida e trabalho das famílias agroextrativistas da comunidade Cassianã na Resex Médio Purus em Lábrea (AM). Para tanto, foi necessário, a partir de um olhar interdisciplinar, identificar o contexto de lutas, de ambientalização das demandas sociais e os conflitos socioambientais que emergem frente às estratégias governamentais de inclusão produtiva no rural amazônico, sob a perspectiva da conservação ambiental. A metodologia utilizada teve como fundamento a pesquisa qualitativa, desenvolvida por meio de levantamento documental e bibliográfico, pesquisa de campo e observação. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas, por meio de formulários aplicados às 17 unidades familiares atendidas pelo PBV e a elaboração coletiva de mapas mentais para identificação das características geográficas e ambientais do sistema agroextrativista da comunidade Cassianã. Ainda foram realizadas entrevistas narrativas, tendo como instrumento o esquema autogerador aplicado ao gestor da Resex Médio Purus e às lideranças comunitárias. Os resultados indicam que, como um dos elementos para inclusão produtiva rural e conservação ambiental, o PBV não apresenta clareza quanto ao seu conceito e metodologia. Por ser um programa novo e em caráter experimental, carece de melhor definição para efetivar-se como política de direito socioambiental para os povos tradicionais. Pois, ao longo dos últimos anos, por meio do processo de ambientalização e reconstrução de identidades socioculturais, as lutas sociais e políticas dos povos tradicionais da Amazônia vêm colocando em discussão, na arena política, os conflitos socioambientais, como importante estratégia no desenvolvimento e (re)construção de novas territorialidades que conservam as identidades étnicas, culturais e garantem a sobrevivência dos ecossistemas em que vivem os povos tradicionais. Nesse contexto, o ecossistema agroextrativista da comunidade Cassianã apresenta-se a partir de uma íntima relação entre homem e natureza. Sua potencialidade produtiva requer a urgente elaboração de um plano de manejo que possibilite uma cadeia produtiva economicamente viável, ambientalmente equilibrada e socialmente justa, capaz de gerar melhorias de vida para as famílias agroextrativistas. Para isso será necessário romper com aspectos materiais e simbólicos do… Advisors/Committee Members: Scherer, Elenise Faria, 017853890-20, http://lattes.cnpq.br/9963969899295818, Soares, Ana Paulina Aguiar, http://lattes.cnpq.br/0583627955031330, Nogueira, Marinez Gil, Costa, Wellington Luciano de Souza, Higushi, Maria Inês Gasparetto, Melo, Lucilene Ferreira de, [email protected].

Subjects/Keywords: Inclusão produtiva; Conflitos socioambientais; Agroextrativismo; Reserva Médio Purus; CIÊNCIAS HUMANAS

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Silva, S. Q. e. (2016). Políticas socioambientais na Amazônia: o projeto Bolsa Verde e a inclusão produtiva das famílias da Resex Médio Purus, Lábrea (AM). (Doctoral Dissertation). Universidade Federal do Amazonas. Retrieved from https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6880

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Silva, Silvânia Queiroz e. “Políticas socioambientais na Amazônia: o projeto Bolsa Verde e a inclusão produtiva das famílias da Resex Médio Purus, Lábrea (AM).” 2016. Doctoral Dissertation, Universidade Federal do Amazonas. Accessed November 28, 2020. https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6880.

MLA Handbook (7th Edition):

Silva, Silvânia Queiroz e. “Políticas socioambientais na Amazônia: o projeto Bolsa Verde e a inclusão produtiva das famílias da Resex Médio Purus, Lábrea (AM).” 2016. Web. 28 Nov 2020.

Vancouver:

Silva SQe. Políticas socioambientais na Amazônia: o projeto Bolsa Verde e a inclusão produtiva das famílias da Resex Médio Purus, Lábrea (AM). [Internet] [Doctoral dissertation]. Universidade Federal do Amazonas; 2016. [cited 2020 Nov 28]. Available from: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6880.

Council of Science Editors:

Silva SQe. Políticas socioambientais na Amazônia: o projeto Bolsa Verde e a inclusão produtiva das famílias da Resex Médio Purus, Lábrea (AM). [Doctoral Dissertation]. Universidade Federal do Amazonas; 2016. Available from: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6880

3. Silva, Glaubécia Teixeira da. Turismo em Comunidades Tradicionais: políticas de desenvolvimento local e territorialidades humanas na RDS do Rio Negro (Iranduba-AM).

Degree: 2018, Universidade Federal do Amazonas

Nesta tese, pretendeu-se analisar o processo de territorialização do turismo como estratégia de gestão territorial e ambiental nas comunidades Nossa Senhora do Perpétuo Socorro do Tumbira, Santa Helena do Inglês e São Sebastião do Saracá, na Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Rio Negro, no Amazonas. Especificamente, os objetivos se desdobram em identificar o histórico da territorialização em áreas protegidas e os conflitos socioambientais decorrentes das políticas governamentais; identificar o processo de ocupação humana e os usos sociais das paisagens, bem como aqueles forjados pelos ciclos econômicos; caracterizar o papel do Estado e do terceiro setor nas políticas governamentais de turismo; apreender os mecanismos de participação social dos moradores das comunidades tradicionais nas políticas governamentais pertinentes ao turismo; e caracterizar as territorialidades humanas, a alteridade e o papel do turismo no desenvolvimento local das comunidades. A pesquisa é qualitativa, combinada com os métodos fenomenológico, hermenêutico e dialético, o que possibilitou o aprofundamento à análise do fenômeno turístico na realidade das comunidades tradicionais. Os territórios de uso das três comunidades estão imbricados nos limites de duas Unidades de Conservação (UCs), uma de proteção integral e outra de uso sustentável, face ao caráter restritivo, em maior ou menor grau, novas territorialidades humanas foram desenvolvidas. A rica biodiversidade e as potencialidades sociais despertaram o interesse pela ocupação do Baixo Rio Negro desde o período colonial, passando por ciclos econômicos de exploração dos recursos naturais e da paisagem sem necessariamente retirar da situação de precariedade as comunidades tradicionais desse território. As pressões dos movimentos ambientalistas em prol do desenvolvimento sustentável culminaram com a criação de políticas neoliberais implementadas nas últimas décadas nessa região. Tais políticas facilitaram a atuação das organizações do terceiro setor, particularmente as Organizações da Sociedade Civil de Interesse Privado (OSCIPs), na condução do turismo em UCs, cuja versão sustentável é posta como panaceia capaz de promover inclusão social, geração de renda e conservação ambiental. As Oscips atuam suplementarmente ao Estado na implementação de políticas governamentais e, embora suas agendas almejem o desenvolvimento do turismo sustentável por meio do ecoturismo e do Turismo de Base Comunitária (TBC), o processo político apresenta-se alheio às demandas sociais, contrariando os princípios da sustentabilidade (econômica, social e ambiental). O discurso ambientalista utiliza-se da linguagem ideologizada para gerar aceitação e reduzir as possibilidades de conflituosidade e insatisfação social, culminando no movimento contrainsurgente de cooptação das comunidades tradicionais e dominação das organizações de base com vistas a dissimular interesses extracomunitários por trás da dita gestão participativa. Os moradores das UCs são alijados das instâncias decisórias das políticas governamentais de… Advisors/Committee Members: Scherer, Elenise Faria, 01785389220, http://lattes.cnpq.br/9963969899295818, Araújo, Nelcioney José de Souza, 34440100287, http://lattes.cnpq.br/5403024203206579, Barradas, Raimundo de Jesus Teixeira, 39536866234, http://lattes.cnpq.br/5962832033707672, Simão, Maria Olívia de Albuquerque Ribeiro, 32131658249, http://lattes.cnpq.br/2594654340373805, Sousa, Isaque dos Santos, 64348890382, http://lattes.cnpq.br/4187086958040820, Albuquerque, Carlossandro Carvalho de, 23781440249, http://lattes.cnpq.br/9320960092227775, [email protected].

Subjects/Keywords: Turismo sustentável; Unidades de Conservação; Comunidades tradicionais; Terceiro Setor; Sustainable Tourism; Protected Areas; Traditional Communities; Third Sector; CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS; OUTROS

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Silva, G. T. d. (2018). Turismo em Comunidades Tradicionais: políticas de desenvolvimento local e territorialidades humanas na RDS do Rio Negro (Iranduba-AM). (Doctoral Dissertation). Universidade Federal do Amazonas. Retrieved from https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6881

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Silva, Glaubécia Teixeira da. “Turismo em Comunidades Tradicionais: políticas de desenvolvimento local e territorialidades humanas na RDS do Rio Negro (Iranduba-AM).” 2018. Doctoral Dissertation, Universidade Federal do Amazonas. Accessed November 28, 2020. https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6881.

MLA Handbook (7th Edition):

Silva, Glaubécia Teixeira da. “Turismo em Comunidades Tradicionais: políticas de desenvolvimento local e territorialidades humanas na RDS do Rio Negro (Iranduba-AM).” 2018. Web. 28 Nov 2020.

Vancouver:

Silva GTd. Turismo em Comunidades Tradicionais: políticas de desenvolvimento local e territorialidades humanas na RDS do Rio Negro (Iranduba-AM). [Internet] [Doctoral dissertation]. Universidade Federal do Amazonas; 2018. [cited 2020 Nov 28]. Available from: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6881.

Council of Science Editors:

Silva GTd. Turismo em Comunidades Tradicionais: políticas de desenvolvimento local e territorialidades humanas na RDS do Rio Negro (Iranduba-AM). [Doctoral Dissertation]. Universidade Federal do Amazonas; 2018. Available from: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6881

.