Advanced search options

Advanced Search Options 🞨

Browse by author name (“Author name starts with…”).

Find ETDs with:

in
/  
in
/  
in
/  
in

Written in Published in Earliest date Latest date

Sorted by

Results per page:

Sorted by: relevance · author · university · dateNew search

You searched for +publisher:"Universidade Federal do Amazonas" +contributor:("41779320272"). Showing records 1 – 3 of 3 total matches.

Search Limiters

Last 2 Years | English Only

No search limiters apply to these results.

▼ Search Limiters

1. Batalha, Adriane Dâmares de Sousa Jorge. Ação da Arrabidaea chica Verlot (Bignoniaceae) sobre o envelhecimento celular.

Degree: 2017, Universidade Federal do Amazonas

A espécie amazônica Arrabidaea chica Verlot (Bignoniaceae), conhecida como crajiru, é muito utilizada na medicina tradicional, devido ao seu potencial antioxidante e anti-inflamatório. O objetivo deste estudo foi investigar o potencial antienvelhecimento e anti-inflamatório de cinco extratos da espécie Arrabidaea chica: extratos aquosos brutos por infusão e decocção, acetato de etila, hexânico e etanólico. Foi realizada a quantificação de citocinas para avaliar o efeito na inflamação, e foi avaliada a ação contra o envelhecimento por meio da produção de espécies reativas de oxigênio intracelular (iROS), potencial de membrana mitocondrial, teste do cometa e citometria. Os extratos aquosos reduziram o TNF-α (IC 50% = 35 μg / mL) e aumentaram a IL-10 (EC 50% = 31 μg / mL) com Zymosan dose-dependente em macrófagos J774, demonstrando a atividade anti-inflamatória. A capacidade antienvelhecimento foi demonstrada em todos os extratos pela redução da produção de iROS (p<0.0001) e aumento do potencial de membrana mitocondrial (p<0.0001) quando comparado com o controle de estaurosporina em macrófagos THP-1. Além disso, os extratos de Arrabidaea chica protegeram a fita dupla de DNA contra a ação da doxorrubicina (p <0,0001) em células THP-1 e protegeram as células da apoptose (p <0,0001), destacando o efeito principal promovido pelo acetato de etila (95% CI 83,60 – 123,1; p<0.0001) e extratos aquosos (95% CI 6,278 – 7,655; p<0.0001), respectivamente. A espécie Arrabidaea chica (crajiru) é de fácil acesso e sugere-se que seja explorada como agente terapêutico contra o envelhecimento celular e processos inflamatórios. Este trabalho foi apoiado pela Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas (FAPEAM).

The amazonian species Arrabidaea chica Verlot (Bignoniaceae), known as crajiru, are useful in traditional medicine, because of antioxidant and anti-inflammatory potential. The aim of this study was to investigate the anti-aging and anti-inflammatory potential of five extracts from Arrabidaea chica species: crude aqueous extracts by infusion and decoction, ethylic acetate, hexanic and ethanolic. It was performed the cytokines quantification to evaluate the effect on inflammation, and was assessed the action against aging by intracellular reactive oxygen species (iROS) production, mitochondrial membrane potential, comet test and cytometry. The aqueous extracts reduced TNF-α (IC 50% = 35 μg/mL) and increased IL-10 (EC 50% = 31 μg/mL) with dose-dependent Zymosan in J774 macrophages, demonstrating the anti-inflammatory activity. The anti-aging ability was demonstrated in all the extracts by reduction of iROS production (p<0.0001) and enhancement of the mitochondrial membrane potential (p<0.0001) when compared to the staurosporine control in THP-1 macrophages. Furthermore, the extracts from Arrabidaea chica protected the double-stranded of DNA against doxorubicin action (p<0.0001) in THP-1 cells and protected the cells from apoptosis (p<0.0001), highlighting the major effect promoted by ethylic acetate extract (95% CI 83,60 –…

Advisors/Committee Members: Lopes, Antonio Luiz Ribeiro Boechat, 41779320272, http://lattes.cnpq.br/3558832059770794, Lalwani, Pritesh Jaychand, 55751857291, http://lattes.cnpq.br/7235381015289844, Santos, Maria Cristina, http://lattes.cnpq.br/4923902785529755, Lima, Emerson Silva, http://lattes.cnpq.br/1324552190537148, [email protected].

Subjects/Keywords: Arrabidaea chica; Medicina tradicional; Anti-inflamatório; Antienvelhecimento; Macrófago; CIÊNCIAS BIOLÓGICAS: IMUNOLOGIA

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Batalha, A. D. d. S. J. (2017). Ação da Arrabidaea chica Verlot (Bignoniaceae) sobre o envelhecimento celular. (Masters Thesis). Universidade Federal do Amazonas. Retrieved from https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7137

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Batalha, Adriane Dâmares de Sousa Jorge. “Ação da Arrabidaea chica Verlot (Bignoniaceae) sobre o envelhecimento celular.” 2017. Masters Thesis, Universidade Federal do Amazonas. Accessed January 22, 2020. https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7137.

MLA Handbook (7th Edition):

Batalha, Adriane Dâmares de Sousa Jorge. “Ação da Arrabidaea chica Verlot (Bignoniaceae) sobre o envelhecimento celular.” 2017. Web. 22 Jan 2020.

Vancouver:

Batalha ADdSJ. Ação da Arrabidaea chica Verlot (Bignoniaceae) sobre o envelhecimento celular. [Internet] [Masters thesis]. Universidade Federal do Amazonas; 2017. [cited 2020 Jan 22]. Available from: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7137.

Council of Science Editors:

Batalha ADdSJ. Ação da Arrabidaea chica Verlot (Bignoniaceae) sobre o envelhecimento celular. [Masters Thesis]. Universidade Federal do Amazonas; 2017. Available from: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7137

2. Cortêz, Pablo Costa. Status funcional e aspectos relacionados às condições de saúde de mulheres com artrite reumatoide em uso de drogas sintéticas modificadoras da doença: estudo observacional.

Degree: 2019, Universidade Federal do Amazonas

As doenças crônicas iniciam e evoluem lentamente. Frequentemente, apresentam sintomas variados, levando a condições de saúde complexas. Assim é com a Artrite Reumatoide (AR), uma doença inflamatória, autoimune, sistêmica, crônica e progressiva. É mais prevalente nas mulheres, nas quais apresenta menor idade de início, menor percentual de positividade de autoanticorpos, mais dor e pior capacidade funcional, sugerindo maior atividade da doença. Conhecer as condições de saúde de uma população específica pode ajudar aos profissionais da saúde a elaborar um plano de cuidados focado na pessoa e não apenas na doença. Objetivo: Caracterizar o status funcional e alguns aspectos das condições da saúde de um grupo específico de mulheres adultas com AR. Método: Estudo observacional, transversal. Foram estudadas mulheres adultas com diagnóstico de AR (há menos de 17 anos), não fumantes, sem doença pulmonar prévia, em uso de DMARDs sintéticas, sem nunca ter utilizado DMARDs biológicas. Para caracterizar a amostra utilizou-se estatística descritiva com frequências absolutas (N) e relativas (%). As variáveis contínuas numéricas foram apresentadas como média ± desvio padrão (DP), mediana, máximo e mínimo; as variáveis categóricas como frequências absolutas e relativas. O teste exato de Fisher foi usado para testar a dependência de duas variáveis categóricas nominais. O modelo de análise Variance-One-Way (ANOVA) foi usado para verificar se existiam diferenças entre as médias de uma determinada variável (variável resposta) em relação a uma variável preditora. O coeficiente de correlação de Pearson foi utilizado para avaliar o grau de relacionamento entre duas variáveis quantitativas. O nível de significância foi estabelecido em 0,05. Resultados: Foram estudadas 44 mulheres com AR com início precoce (diagnóstico com menos de 40 anos de idade), com duração média da doença de 9,9 (± 4,69) anos, média de idade 48 (± 7,98) anos, a maioria com status funcional normal. A maioria sedentária, com baixo nível de aptidão física (7,45 ± 0,816 METs), com sobrepeso, moderado nível de dor e qualidade de vida reduzida (piores escores nos domínios meio ambiente e físico). Conclusão: As mulheres adultas com AR em uso de DMARDs sintéticas estudadas apresentavam condições de saúde comprometida de maneira multidimensional. A presença destas condições per si representam importantes pontos que podem nortear um melhor cuidado e favorecer a melhor qualidade de vida destas mulheres. Palavras Chaves: Artrite Reumatoide; Classificação; Complicações; Condições de saúde.

Chronic diseases begin and evolve slowly. They often present with varying symptoms, leading to complex health conditions. So it is with Rheumatoid Arthritis (RA), an inflammatory, autoimmune, systemic, chronic and progressive disease. It is more prevalent in women, in whom it presents a lower age of onset, a lower percentage of autoantibody positivity, more pain and worse functional capacity, suggesting a greater activity of the disease. Knowing the health conditions of a specific population…

Advisors/Committee Members: Gonçalves, Roberta Lins, 91716217687, http://lattes.cnpq.br/7353579266183058, Lopes, Antonio Luiz Ribeiro Boechat, http://lattes.cnpq.br/3558832059770794, Andrade, Edson de Oliveira, http://lattes.cnpq.br/8405362482175322, Andrade, Edson de Oliveira, http://lattes.cnpq.br/8405362482175322, Lopes, Antonio Luiz Ribeiro Boechat, 41779320272, http://lattes.cnpq.br/3558832059770794, Baptista, Pedro Porto Alegre, 11203317735, http://lattes.cnpq.br/3972740373227817, [email protected], https://orcid.org/0000-0003-4976-0716, https://orcid.org/0000-0001-5597-7343.

Subjects/Keywords: Artrite reumatoide; Classificação; Complicações; Condições de saúde; CIÊNCIAS DA SAÚDE: MEDICINA

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Cortêz, P. C. (2019). Status funcional e aspectos relacionados às condições de saúde de mulheres com artrite reumatoide em uso de drogas sintéticas modificadoras da doença: estudo observacional. (Masters Thesis). Universidade Federal do Amazonas. Retrieved from https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7162

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Cortêz, Pablo Costa. “Status funcional e aspectos relacionados às condições de saúde de mulheres com artrite reumatoide em uso de drogas sintéticas modificadoras da doença: estudo observacional.” 2019. Masters Thesis, Universidade Federal do Amazonas. Accessed January 22, 2020. https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7162.

MLA Handbook (7th Edition):

Cortêz, Pablo Costa. “Status funcional e aspectos relacionados às condições de saúde de mulheres com artrite reumatoide em uso de drogas sintéticas modificadoras da doença: estudo observacional.” 2019. Web. 22 Jan 2020.

Vancouver:

Cortêz PC. Status funcional e aspectos relacionados às condições de saúde de mulheres com artrite reumatoide em uso de drogas sintéticas modificadoras da doença: estudo observacional. [Internet] [Masters thesis]. Universidade Federal do Amazonas; 2019. [cited 2020 Jan 22]. Available from: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7162.

Council of Science Editors:

Cortêz PC. Status funcional e aspectos relacionados às condições de saúde de mulheres com artrite reumatoide em uso de drogas sintéticas modificadoras da doença: estudo observacional. [Masters Thesis]. Universidade Federal do Amazonas; 2019. Available from: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7162

3. Abdalla, Ligia Fernandes. Infecção pelo vírus Zika em uma população da Amazônia Ocidental Brasileira: estudo da resposta imune, características clínicas e de diagnóstico.

Degree: 2018, Universidade Federal do Amazonas

O Zika virus (ZIKV) é um arbovírus emergente da família Flaviviridae e do gênero Flavivirus, que até 2007 estava restrito a alguns casos de doença leve na África e na Ásia. No Brasil, suspeita-se que a entrada do vírus tenha se dado durante a Copa das Confederações de 2013 e no primeiro semestre de 2015, já havia casos confirmados em estados de todas as regiões do país. A epidemia brasileira revelou que a infecção geralmente leve e autolimitada poderia estar relacionada à distúrbios neurológicos. Os objetivos deste trabalho era esclarecer inúmeros questionamentos existentes em relação à infecção pelo ZIKV, visando contribuir com uma melhor compreensão dos mecanismos envolvidos na imunopatogênese e curso da doença. Como resultados, descreveu-se o primeiro relato de fibrilação atrial em pacientes com Zika, podendo ser considerado uma manifestação atípica durante a infecção pelo vírus; observou-se elevação de citocinas pró-inflamatórias durante a infecção ZIKV; identificou-se a quimiocina CXCL10 como um biomarcador potencial de infecção; caracterizou-se a saliva como fluído de escolha para o detecção do vírus Zika na fase aguda da doença e, montouse um modelo de regressão logística para a classificação de casos de zika em relação à dengue, com base na avaliação clínica.

Zika virus (ZIKV) is an emergent arbovirus of the family Flaviviridae and the genus Flavivirus, which until 2007 was restricted to some cases of mild disease in Africa and Asia. In Brazil, it`s suspected that the entry of the virus occurred during the 2013 Confederations Cup and in the first half of 2015, there were already confirmed cases in states in all regions of the country. The Brazilian epidemic revealed that the usually mild and self-limiting infection could be related to neurological disorders. The objectives of this study were to clarify numerous questions regarding ZIKV infection, aiming to contribute to a better understanding of the mechanisms involved in the immunopathogenesis and course of the disease. As a result, the first report of atrial fibrillation in patients with Zika was described and could be considered an atypical manifestation during the virus infection; elevation of proinflammatory cytokines during ZIKV infection was observed; CXCL10 chemokine was identified as a potential biomarker for infection; saliva was characterized as the fluid of choice for the detection of Zika virus in the acute phase of the disease and a logistic regression model for the classification of cases of zika in relation to dengue was set up based on the clinical evaluation.

Advisors/Committee Members: Naveca, Felipe Gomes, 07512955740, http://lattes.cnpq.br/3396741165569463, Lopes, Antônio Luiz Ribeiro Boechat, 41779320272, http://lattes.cnpq.br/3558832059770794, Naveca, Felipe Gomes, 07512955740, http://lattes.cnpq.br/3396741165569463, Sadahiro, Aya, http://lattes.cnpq.br/8658798733544812, Mariúba, Luís André Morais, http://lattes.cnpq.br/4784959431673419, Sampaio, Vanderson de Souza, http://lattes.cnpq.br/0039836167659650, Pontes, Gemilson Soares, http://lattes.cnpq.br/9081671233815990, [email protected].

Subjects/Keywords: Zika virus; RT-qPCR; CXCL10; Saliva; Fibrilação; Atrial Clínica; CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Abdalla, L. F. (2018). Infecção pelo vírus Zika em uma população da Amazônia Ocidental Brasileira: estudo da resposta imune, características clínicas e de diagnóstico. (Doctoral Dissertation). Universidade Federal do Amazonas. Retrieved from https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6727

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Abdalla, Ligia Fernandes. “Infecção pelo vírus Zika em uma população da Amazônia Ocidental Brasileira: estudo da resposta imune, características clínicas e de diagnóstico.” 2018. Doctoral Dissertation, Universidade Federal do Amazonas. Accessed January 22, 2020. https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6727.

MLA Handbook (7th Edition):

Abdalla, Ligia Fernandes. “Infecção pelo vírus Zika em uma população da Amazônia Ocidental Brasileira: estudo da resposta imune, características clínicas e de diagnóstico.” 2018. Web. 22 Jan 2020.

Vancouver:

Abdalla LF. Infecção pelo vírus Zika em uma população da Amazônia Ocidental Brasileira: estudo da resposta imune, características clínicas e de diagnóstico. [Internet] [Doctoral dissertation]. Universidade Federal do Amazonas; 2018. [cited 2020 Jan 22]. Available from: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6727.

Council of Science Editors:

Abdalla LF. Infecção pelo vírus Zika em uma população da Amazônia Ocidental Brasileira: estudo da resposta imune, características clínicas e de diagnóstico. [Doctoral Dissertation]. Universidade Federal do Amazonas; 2018. Available from: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6727

.