Advanced search options

Advanced Search Options 🞨

Browse by author name (“Author name starts with…”).

Find ETDs with:

in
/  
in
/  
in
/  
in

Written in Published in Earliest date Latest date

Sorted by

Results per page:

Sorted by: relevance · author · university · dateNew search

You searched for +publisher:"Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia" +contributor:("Santos Filho, Benedito Gomes dos"). Showing records 1 – 2 of 2 total matches.

Search Limiters

Last 2 Years | English Only

No search limiters apply to these results.

▼ Search Limiters

1. Azevedo, Gracilene Fernandes da Costa. ECOFISIOLOGIA EM MUDAS DE ACARIQUARA (Minquartia guianensis Aubl.) E MOGNO (Swietenia macrophylla King.) ACLIMATADAS À CAMPOS ABERTOS.

Degree: 2009, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia

O objetivo desta pesquisa foi estudar a resposta ecofisiológica de mudas de acariquara (Minquartia guianensis Aubl.) e mogno (Swietenia macrophylla King.) aclimatadas à radiação solar plena. O experimento foi realizado no campus V-8 do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) em Manaus, entre junho e dezembro de 2008. Utilizaram-se os seguintes tempos de solarização (TS): 0 (T0, controle, mantido na sombra a 0,40 mol m-2 dia-1), 30 (T30), 60 (T60), 90 (T90), 120 (T120), 150 (T150) e 180 dias (T180). Em cada TS foram usadas cinco mudas (repetições) por espécie. Ao final do período de aclimatação foram mensuradas: a relação Fv/Fm, as taxas de fotossíntese (A), a condutância estomática (gs), a velocidade máxima de carboxilação da Rubisco (Vcmax), a taxa máxima de transporte de elétrons (Jmax), a transpiração (E), o potencial hídrico da folha (Ψf), a altura, o diâmetro, o número de folhas, a área foliar especifica (AFE) e o teor clorofilas e carotenóides. Os dados de trocas gasosas foram mensuradas com um medidor de fotossíntese (Li-6400, Li-Cor, EUA). Na acariquara, a transferência à luz solar plena causou, no inicio do experimento, fotoinibição severa que em alguns casos evoluiu para fotooxidação foliar e abscisão prematura de folhas; observando-se nesta espécie pouca produção de novas folhas, ao longo do experimento. Ao contrário, no mogno houve produção abundante de folhas (e pouca abscisão) e ausência de fotooxidação foliar. A exposição súbita das plantas à alta radiação solar causou diminuição severa na relação Fv/Fm, sendo mais acentuada na acariquara. No entanto, ao final do período de aclimatação, tanto as mudas de acariquara como as de mogno apresentaram recuperação da fotoinibição, atingindo a relação Fv/Fm valores próximos aos observados no controle. Assim, nos últimos três meses do período de aclimatação à luz solar plena, Vcmax foi de 12,9 μmol m-2 s-1 para acariquara, e de 20,4 μmol m-2 s-1 para o mogno; já a fotossíntese potencial (Apot), para o mesmo período, foi de 8,2 μmol m-2 s-1 para acariquara e 10,2 μmol m-2 s-1 para o mogno. Não houve efeito do processo de aclimatação no potencial hídrico da folha (Ψf). Finalmente, a maior taxa de fotossíntese observada no mogno coincidiu com as maiores taxas de crescimento nesta espécie, sendo estas aproximadamente três vezes maiores no mogno (crescimento em diâmetro de 0,9 mm mês-1) do que na acariquara (0,25 mm mês-1).

The objective of this research was to study the ecophysiological behavior of saplings of acariquara (Minquartia guianensis Aubl.) and mahogany (Swietenia macrophylla King.) during acclimation to full sunlight. The experiment was conducted at the Campus V-8 of the National Institute for Research in the Amazon (INPA) in Manaus, between June and December of 2008. The acclimation periods (TS) were: 0 (T0, control, kept under shade, at 0.40 mol m-2 day-1), 30 (T30), 60 (T60), 90 (T90), 120 (T120), 150 (T150) and 180 days (T180). At each acclimation treatment, five saplings (replicates) per species were used.…

Advisors/Committee Members: Marenco, Ricardo Antonio, Candido, Luiz Antonio, Bressan-smith, Ricardo Enrique, Santos Filho, Benedito Gomes dos, Ferrarese-filho, Osvaldo, Dillenburg, Lucia Rebello, Dillenburg, Lucia Rebello.

Subjects/Keywords: Ecofisiologia; Aclimatação; Minquartia guianensis; Swietenia macrophylla; CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Azevedo, G. F. d. C. (2009). ECOFISIOLOGIA EM MUDAS DE ACARIQUARA (Minquartia guianensis Aubl.) E MOGNO (Swietenia macrophylla King.) ACLIMATADAS À CAMPOS ABERTOS. (Masters Thesis). Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia. Retrieved from http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/999

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Azevedo, Gracilene Fernandes da Costa. “ECOFISIOLOGIA EM MUDAS DE ACARIQUARA (Minquartia guianensis Aubl.) E MOGNO (Swietenia macrophylla King.) ACLIMATADAS À CAMPOS ABERTOS.” 2009. Masters Thesis, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia. Accessed October 17, 2019. http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/999.

MLA Handbook (7th Edition):

Azevedo, Gracilene Fernandes da Costa. “ECOFISIOLOGIA EM MUDAS DE ACARIQUARA (Minquartia guianensis Aubl.) E MOGNO (Swietenia macrophylla King.) ACLIMATADAS À CAMPOS ABERTOS.” 2009. Web. 17 Oct 2019.

Vancouver:

Azevedo GFdC. ECOFISIOLOGIA EM MUDAS DE ACARIQUARA (Minquartia guianensis Aubl.) E MOGNO (Swietenia macrophylla King.) ACLIMATADAS À CAMPOS ABERTOS. [Internet] [Masters thesis]. Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia; 2009. [cited 2019 Oct 17]. Available from: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/999.

Council of Science Editors:

Azevedo GFdC. ECOFISIOLOGIA EM MUDAS DE ACARIQUARA (Minquartia guianensis Aubl.) E MOGNO (Swietenia macrophylla King.) ACLIMATADAS À CAMPOS ABERTOS. [Masters Thesis]. Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia; 2009. Available from: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/999

2. Azevedo, Gracilene Fernandes da Costa. ECOFISIOLOGIA EM MUDAS DE ACARIQUARA (Minquartia guianensis Aubl.) E MOGNO (Swietenia macrophylla King.) ACLIMATADAS À CAMPOS ABERTOS.

Degree: 2009, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia

O objetivo desta pesquisa foi estudar a resposta ecofisiológica de mudas de acariquara (Minquartia guianensis Aubl.) e mogno (Swietenia macrophylla King.) aclimatadas à radiação solar plena. O experimento foi realizado no campus V-8 do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) em Manaus, entre junho e dezembro de 2008. Utilizaram-se os seguintes tempos de solarização (TS): 0 (T0, controle, mantido na sombra a 0,40 mol m-2 dia-1), 30 (T30), 60 (T60), 90 (T90), 120 (T120), 150 (T150) e 180 dias (T180). Em cada TS foram usadas cinco mudas (repetições) por espécie. Ao final do período de aclimatação foram mensuradas: a relação Fv/Fm, as taxas de fotossíntese (A), a condutância estomática (gs), a velocidade máxima de carboxilação da Rubisco (Vcmax), a taxa máxima de transporte de elétrons (Jmax), a transpiração (E), o potencial hídrico da folha (Ψf), a altura, o diâmetro, o número de folhas, a área foliar especifica (AFE) e o teor clorofilas e carotenóides. Os dados de trocas gasosas foram mensuradas com um medidor de fotossíntese (Li-6400, Li-Cor, EUA). Na acariquara, a transferência à luz solar plena causou, no inicio do experimento, fotoinibição severa que em alguns casos evoluiu para fotooxidação foliar e abscisão prematura de folhas; observando-se nesta espécie pouca produção de novas folhas, ao longo do experimento. Ao contrário, no mogno houve produção abundante de folhas (e pouca abscisão) e ausência de fotooxidação foliar. A exposição súbita das plantas à alta radiação solar causou diminuição severa na relação Fv/Fm, sendo mais acentuada na acariquara. No entanto, ao final do período de aclimatação, tanto as mudas de acariquara como as de mogno apresentaram recuperação da fotoinibição, atingindo a relação Fv/Fm valores próximos aos observados no controle. Assim, nos últimos três meses do período de aclimatação à luz solar plena, Vcmax foi de 12,9 μmol m-2 s-1 para acariquara, e de 20,4 μmol m-2 s-1 para o mogno; já a fotossíntese potencial (Apot), para o mesmo período, foi de 8,2 μmol m-2 s-1 para acariquara e 10,2 μmol m-2 s-1 para o mogno. Não houve efeito do processo de aclimatação no potencial hídrico da folha (Ψf). Finalmente, a maior taxa de fotossíntese observada no mogno coincidiu com as maiores taxas de crescimento nesta espécie, sendo estas aproximadamente três vezes maiores no mogno (crescimento em diâmetro de 0,9 mm mês-1) do que na acariquara (0,25 mm mês-1).

The objective of this research was to study the ecophysiological behavior of saplings of acariquara (Minquartia guianensis Aubl.) and mahogany (Swietenia macrophylla King.) during acclimation to full sunlight. The experiment was conducted at the Campus V-8 of the National Institute for Research in the Amazon (INPA) in Manaus, between June and December of 2008. The acclimation periods (TS) were: 0 (T0, control, kept under shade, at 0.40 mol m-2 day-1), 30 (T30), 60 (T60), 90 (T90), 120 (T120), 150 (T150) and 180 days (T180). At each acclimation treatment, five saplings (replicates) per species were used.…

Advisors/Committee Members: Marenco, Ricardo Antonio, Candido, Luiz Antonio, Bressan-smith, Ricardo Enrique, Santos Filho, Benedito Gomes dos, Ferrarese-filho, Osvaldo, Dillenburg, Lucia Rebello, Dillenburg, Lucia Rebello.

Subjects/Keywords: Ecofisiologia; Aclimatação; Minquartia guianensis; Swietenia macrophylla; CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Azevedo, G. F. d. C. (2009). ECOFISIOLOGIA EM MUDAS DE ACARIQUARA (Minquartia guianensis Aubl.) E MOGNO (Swietenia macrophylla King.) ACLIMATADAS À CAMPOS ABERTOS. (Masters Thesis). Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia. Retrieved from http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/966

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Azevedo, Gracilene Fernandes da Costa. “ECOFISIOLOGIA EM MUDAS DE ACARIQUARA (Minquartia guianensis Aubl.) E MOGNO (Swietenia macrophylla King.) ACLIMATADAS À CAMPOS ABERTOS.” 2009. Masters Thesis, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia. Accessed October 17, 2019. http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/966.

MLA Handbook (7th Edition):

Azevedo, Gracilene Fernandes da Costa. “ECOFISIOLOGIA EM MUDAS DE ACARIQUARA (Minquartia guianensis Aubl.) E MOGNO (Swietenia macrophylla King.) ACLIMATADAS À CAMPOS ABERTOS.” 2009. Web. 17 Oct 2019.

Vancouver:

Azevedo GFdC. ECOFISIOLOGIA EM MUDAS DE ACARIQUARA (Minquartia guianensis Aubl.) E MOGNO (Swietenia macrophylla King.) ACLIMATADAS À CAMPOS ABERTOS. [Internet] [Masters thesis]. Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia; 2009. [cited 2019 Oct 17]. Available from: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/966.

Council of Science Editors:

Azevedo GFdC. ECOFISIOLOGIA EM MUDAS DE ACARIQUARA (Minquartia guianensis Aubl.) E MOGNO (Swietenia macrophylla King.) ACLIMATADAS À CAMPOS ABERTOS. [Masters Thesis]. Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia; 2009. Available from: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/966

.