Advanced search options

Advanced Search Options 🞨

Browse by author name (“Author name starts with…”).

Find ETDs with:

in
/  
in
/  
in
/  
in

Written in Published in Earliest date Latest date

Sorted by

Results per page:

Sorted by: relevance · author · university · dateNew search

You searched for +publisher:"Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia" +contributor:("Rezende, Alba Valeria"). Showing records 1 – 2 of 2 total matches.

Search Limiters

Last 2 Years | English Only

No search limiters apply to these results.

▼ Search Limiters

1. Oliveira, Milena Marmentini de. Tamanho e forma de parcelas para inventários florestais de volume de madeira e estoque de carbono de espécies arbóreas da Amazônia Central.

Degree: 2010, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia

Uma das principais ferramentas para quantificar e qualificar o potencial de uma floresta é o inventário florestal. Durante a sua fase de planejamento, é necessário definir a intensidade de amostragem e o tamanho e forma de unidades de amostra para minimizar os custos de coleta de dados, aumentando a precisão do inventário florestal. Este estudo teve como objetivo testar diferentes tamanhos e formas de unidades de amostra para diferentes categorias de diâmetros a altura do peito (DAP). O estudo foi realizado na região de Manaus, incluindo INPA e áreas como a estação experimental da Embrapa em torno da BR-174, no estado do Amazonas, Brasil. Cinco categorias de DAP foram consideradas, como a seguir: 5 centímetros, 10 cm, 20 cm, 25 cm e 45 cm. Para todas as categorias de DAP, vinte e três diferentes tamanhos e duas formas foram testados, de 100m² a 10.000 m². O número de amostras foi definido como n = 30 para todas as simulações de tamanho, para se confirmar a utilização dos pressupostos do teorema do limite central. A área basal foi utilizada para estimar a incerteza em relação ao verdadeiro valor da média para a comparação entre os diferentes tamanhos para cada categoria de DAP. Quase todos os tamanhos de parcela em todas as categorias de DAP obtiveram incertezas inferiores a 10%. Os que obtiveram melhores resultados foram os de 1000m², 800m², 1200m², 2000m² e 10.000m² respectivamente, para os DAPs mínimos de 5, 10, 20, 25 e 45 centímetros. A maioria dos inventários florestais exploratórios no estado do Amazonas tem sido feitos para árvores com DAP maior que 10 centímetros, e os tamanhos variando de 1.000 a 2.000 m². Os resultados deste trabalho demonstram que o tamanho para o inventário exploratório é adequado, porém tamanhos diferentes devem ser usados para DAP maior ou igual a 45 centímetros, que é normalmente o DAP mínimo para os planos de exploração madeireira.

One of the main tools to quantify and qualify the forest potentials is the forest inventory. During its planning phase it is necessary to define the sampling intensity, and size and shape of sample units to minimize data collection costs while increasing the precision of the forest inventory. This study aimed to test different sizes and shapes of sample units for different diameter at breast height (DBH) size categories. The study was carried out in the Manaus region including INPA and EMBRAPA experimental station areas around BR-174, state of Amazonas, Brazil. Five categories of DBH were considered, as following: above 5cm, 10cm, 20cm, 25cm and 45cm. For all DBH categories, twenty-three different sizes were tested, from 100m2 to 10,000m2. The namber of samples was defined as n = 30 for all size simulations to qualify for the use of the central limit theorem assumptions. Basal area was used to estimate uncertainty in relation to the true value of mean for comparison among different sizes for each DBH category. Almost all sample plot sizes in all categories of DAP obtained uncertainties below 10%. The best sample sizes were 1,000m2, 800m², 1,200m²,…

Advisors/Committee Members: Higuchi, Niro, Nakajima, Nelson Yoshihiro, Rezende, Alba Valeria, Machado, Sebastião do Amaral.

Subjects/Keywords: Inventário florestal Amazônia; Madeira; Carbono; Espécies Florestais; Amostragem; CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL::MANEJO FLORESTAL

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Oliveira, M. M. d. (2010). Tamanho e forma de parcelas para inventários florestais de volume de madeira e estoque de carbono de espécies arbóreas da Amazônia Central. (Masters Thesis). Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia. Retrieved from http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1098

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Oliveira, Milena Marmentini de. “Tamanho e forma de parcelas para inventários florestais de volume de madeira e estoque de carbono de espécies arbóreas da Amazônia Central.” 2010. Masters Thesis, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia. Accessed October 23, 2019. http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1098.

MLA Handbook (7th Edition):

Oliveira, Milena Marmentini de. “Tamanho e forma de parcelas para inventários florestais de volume de madeira e estoque de carbono de espécies arbóreas da Amazônia Central.” 2010. Web. 23 Oct 2019.

Vancouver:

Oliveira MMd. Tamanho e forma de parcelas para inventários florestais de volume de madeira e estoque de carbono de espécies arbóreas da Amazônia Central. [Internet] [Masters thesis]. Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia; 2010. [cited 2019 Oct 23]. Available from: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1098.

Council of Science Editors:

Oliveira MMd. Tamanho e forma de parcelas para inventários florestais de volume de madeira e estoque de carbono de espécies arbóreas da Amazônia Central. [Masters Thesis]. Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia; 2010. Available from: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1098

2. Oliveira, Milena Marmentini de. Tamanho e forma de parcelas para inventários florestais de volume de madeira e estoque de carbono de espécies arbóreas da Amazônia Central.

Degree: 2010, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia

Uma das principais ferramentas para quantificar e qualificar o potencial de uma floresta é o inventário florestal. Durante a sua fase de planejamento, é necessário definir a intensidade de amostragem e o tamanho e forma de unidades de amostra para minimizar os custos de coleta de dados, aumentando a precisão do inventário florestal. Este estudo teve como objetivo testar diferentes tamanhos e formas de unidades de amostra para diferentes categorias de diâmetros a altura do peito (DAP). O estudo foi realizado na região de Manaus, incluindo INPA e áreas como a estação experimental da Embrapa em torno da BR-174, no estado do Amazonas, Brasil. Cinco categorias de DAP foram consideradas, como a seguir: 5 centímetros, 10 cm, 20 cm, 25 cm e 45 cm. Para todas as categorias de DAP, vinte e três diferentes tamanhos e duas formas foram testados, de 100m² a 10.000 m². O número de amostras foi definido como n = 30 para todas as simulações de tamanho, para se confirmar a utilização dos pressupostos do teorema do limite central. A área basal foi utilizada para estimar a incerteza em relação ao verdadeiro valor da média para a comparação entre os diferentes tamanhos para cada categoria de DAP. Quase todos os tamanhos de parcela em todas as categorias de DAP obtiveram incertezas inferiores a 10%. Os que obtiveram melhores resultados foram os de 1000m², 800m², 1200m², 2000m² e 10.000m² respectivamente, para os DAPs mínimos de 5, 10, 20, 25 e 45 centímetros. A maioria dos inventários florestais exploratórios no estado do Amazonas tem sido feitos para árvores com DAP maior que 10 centímetros, e os tamanhos variando de 1.000 a 2.000 m². Os resultados deste trabalho demonstram que o tamanho para o inventário exploratório é adequado, porém tamanhos diferentes devem ser usados para DAP maior ou igual a 45 centímetros, que é normalmente o DAP mínimo para os planos de exploração madeireira.

One of the main tools to quantify and qualify the forest potentials is the forest inventory. During its planning phase it is necessary to define the sampling intensity, and size and shape of sample units to minimize data collection costs while increasing the precision of the forest inventory. This study aimed to test different sizes and shapes of sample units for different diameter at breast height (DBH) size categories. The study was carried out in the Manaus region including INPA and EMBRAPA experimental station areas around BR-174, state of Amazonas, Brazil. Five categories of DBH were considered, as following: above 5cm, 10cm, 20cm, 25cm and 45cm. For all DBH categories, twenty-three different sizes were tested, from 100m2 to 10,000m2. The namber of samples was defined as n = 30 for all size simulations to qualify for the use of the central limit theorem assumptions. Basal area was used to estimate uncertainty in relation to the true value of mean for comparison among different sizes for each DBH category. Almost all sample plot sizes in all categories of DAP obtained uncertainties below 10%. The best sample sizes were 1,000m2, 800m², 1,200m²,…

Advisors/Committee Members: Higuchi, Niro, Nakajima, Nelson Yoshihiro, Rezende, Alba Valeria, Machado, Sebastião do Amaral.

Subjects/Keywords: Inventário florestal Amazônia; Madeira; Carbono; Espécies Florestais; Amostragem; CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL::MANEJO FLORESTAL

Record DetailsSimilar RecordsGoogle PlusoneFacebookTwitterCiteULikeMendeleyreddit

APA · Chicago · MLA · Vancouver · CSE | Export to Zotero / EndNote / Reference Manager

APA (6th Edition):

Oliveira, M. M. d. (2010). Tamanho e forma de parcelas para inventários florestais de volume de madeira e estoque de carbono de espécies arbóreas da Amazônia Central. (Masters Thesis). Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia. Retrieved from http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1154

Chicago Manual of Style (16th Edition):

Oliveira, Milena Marmentini de. “Tamanho e forma de parcelas para inventários florestais de volume de madeira e estoque de carbono de espécies arbóreas da Amazônia Central.” 2010. Masters Thesis, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia. Accessed October 23, 2019. http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1154.

MLA Handbook (7th Edition):

Oliveira, Milena Marmentini de. “Tamanho e forma de parcelas para inventários florestais de volume de madeira e estoque de carbono de espécies arbóreas da Amazônia Central.” 2010. Web. 23 Oct 2019.

Vancouver:

Oliveira MMd. Tamanho e forma de parcelas para inventários florestais de volume de madeira e estoque de carbono de espécies arbóreas da Amazônia Central. [Internet] [Masters thesis]. Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia; 2010. [cited 2019 Oct 23]. Available from: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1154.

Council of Science Editors:

Oliveira MMd. Tamanho e forma de parcelas para inventários florestais de volume de madeira e estoque de carbono de espécies arbóreas da Amazônia Central. [Masters Thesis]. Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia; 2010. Available from: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1154

.